Agência Dose Publicitária - Comunicação com Poesia Publicitária


A COMUNICAÇÃO DO SEU NEGÓCIO COM

POESIA PUBLICITÁRIA

para a marca da sua empresa crescer com estratégia e emocionar mais clientes.

  • Campanha Publicitária Revela A Morte Para Reviver Mensagem do Dia das Mães




    Como seria fazer um comercial que retratasse a imagem de uma mãe que já faleceu?

    O comercial “Quem revela, revive” criado pela Agencia Espaço para a marca Fujioka sem dúvida já está entre as propagandas dos Dia das Mães mais marcantes de 2016. Isso porque a campanha tocou num aspecto delicado da vida: a morte.

    Para falar sobre o dia das mães com o viés da morte de um ente querido a Fujioka escolheu o horário nobre do domingo, bem no intervalo do Domingão do Faustão.

    Em quase um minuto, o comercial mostra um pai brincando com sua filha criança e em dado momento ele pede para que ela pronuncie “papai”.

    Seguem outras cenas de pai e filha convivendo e o homem ainda insistindo que a criança fale papai.

    Quando a filha está no berço, o pai insiste mais uma vez, mas a primeira palavra que sua filha diz é “mamãe”.

    Neste momento o comercial revela que a mãe da garotinha morreu durante o parto. 

    A criança reagiu a ao ver um quadro com a foto de seu pai abraçado com uma mulher grávida no outro cômodo: sua mamãe.

    Propaganda para família brasileira?

    A Fujika é uma marca/empresa que trabalha com produtos ligados a tecnologia, produtos Pessoais e Serviços Fotográficos e tem como um dos seus valores se declarar “a marca da família”, algo que contrasta com um comercial do dia das mães totalmente fora dos padrões convencionais e um choque contra a própria filosofia declarada da empresa. 

    Ficou claro que a escolha da narrativa tinha o objetivo mostrar a importância da revelação fotografia e seu papel de manter eterno imagens e momentos marcantes, inclusive ajudar a sempre lembrar dos entes queridos que não estão mais ente nos.


    Nossa dose de Opinião


    Sim, a campanha Quem revela, revive da Fujioka dividiu opiniões na internet. Para falar a verdade, não era surpresa alguma que isso fosse acontecer. 

    Acreditamos ser muito importante quando a propaganda faz tão parte do nosso cotidiano que consegue ir além de ser apenas uma sedução para comprarmos o produto ou serviço anunciado e nos leva a boas discussões e reflexões.

    Para marca, nossa dose de opinião é apenas destacar que, abordar o tema morte em uma propaganda do dia das mães em pleno horário nobre do domingo é no minimo muito ousado, para não dizer arriscado.

    E você, acha que valeu a pena o risco? Seja um Bem-Dosado e deixe sua dose de opinião nos comentários:


  • Os Slogans que dizem "Verdades Sinceras" Sobre as Marcas


    Slogans, em sua definição mais simples é como se fosse o "grito de guerra" da marca, sua essência, alma expressada em palavras, normalmente escritas abaixo da logomarca ou logotipo (está declarada a 3ª Guerra mundial) da logo da empresa.

    São muitos os objetivos de um slogan, e quando eficientes, os publicitários que os criam, esperam dizer tudo que a marca é em uma frase curta.

    Mas, como diz  a boa e velha frase “A marca da uma empresa não pertence à empresa, pertence aos clientes.”, muitas vezes as empresas acabam prometendo que seu produto ou serviço traz este ou aquele beneficio, mas quando o consumidor o utiliza, a entrega é bem outra.

    E como o brasileiro carrega a criatividade, bom-humor e "zueira never ends" em seu DNA, a cultura popular acaba resinificando os slogans e criando parodias que, além de bem-humoradas, revelam problemas e características inesperados dos produtos/serviços. Bom, inesperados ao menos para os os consumidores.

    As parodias foram criadas pelo Tumblr Slogans Siceros. E bota Dose de sinceridade nisso. Quem nunca experimentou aquele pacote de ar que vem com batatas de brinde dentro? Comprou um Walk talk achando que era um celular, ou mesmo descobriu que sua paciência não é nada Infinity com a operadora de celular que escolheu?

    Descubra se você concorda ou não com as paródias dos slogans:


























    Fonte:
    Slogans Sinceros: http://sloganssinceros.tumblr.com/
  • Tem Cocaina na Publicidade?


    Como muitos devem estar acompanhando na serie de tv no Netflix, a serie Narcos mostra que como traficante colombiano Pablo Escobar fez história e fortuna traficando Cocaína para os Estados Unidos e o mundo. Mas se Don Pablito tivesse vivido nos anos 70 talvez ele pudesse ter dado outro rumo a sua trajetória de narcotraficante. Só que não.

    Nessa época, a cocaína já começava a ser proibida em quase todo mundo, no entanto algumas revistas e publicações "especializadas" em narcóticos e entorpecentes veiculavam anúncios pontuais, falando sobre a droga.

    Oh, mas espera ai, isto significa que a Cocaína já foi uma droga licita?

    Sim. Usando a capsula do tempo do Retrô Publicitário para dar uma de DeLorean e voltar ainda mais nos anos, veremos que entre os seculos 18 e 19 a Cocaína era licita e receitada como remédio energético. Era como se fosse o Redbull, TNT ou Monster da época.

    Já imaginou como seriam os slogans? Arisco até parodiar o saudoso sambista Bezerra da Silva:
    "Tem Cocaína Na Publicidade".

    O pessoal do site theworldsbestever reuniu alguns desses anúncios veiculados entre nos seculos 18 e 19 e dos anos 70. Dá uma olhada nas peças, mas só olha. Sem inventar de meter o nariz onde não deve e se inspirar, viu.














    Fontes-

    TheWorldsBestEver: http://www.theworldsbestever.com/2015/09/13/back-in-the-day-when-they-used-to-market-cocaine/

    Imagens: (Reprodução/Reddit)
  • Os Cientistas do Bem que Implodem Leões Todos os dias


    Os prêmios em Cannes, ao que tudo indica, muda e/ou aumentam o ego dos "criativos"; a ciência, pelo visto, transforma a vida das pessoas!"

    Guilherme Ramos

    No festival de Cannes vemos diversas campanhas publicitárias e de outros segmentos sendo merecidamente premiados com Leões de Ouro, prata, bronze e toda sorte de metais.

    Na edição de 2015, muitos ficaram surpreendidos (outros nem tanto assim) com o discurso engajado e inflamado de Amir Kassaei chief creative officer da DDB Worldwide que falou principalmente sobre agências de Publicidade que fazem campanhas publicitárias com apelo à causas humanitárias apenas para ganhar prêmios.

    Por sua palestra ter sacudido toda plateia de Cannes,  Kassaei ficou conhecido como "o Iraniano (esta é sua nacionalidade) que implodiu Cannes Lions e a Indústria dos Prêmios".
    Em um dos trechos de seu discurso mais compartilhados em sites de noticias, Amir revelou algo óbvio, mesmo para quem nunca foi a Cannes como eu:

    “Cerca de 90% dos trabalhos que vimos aqui esta semana e que foram feitos para ONG e outras associações não foram feitos para ajudar aquelas pessoas. Foram feitos por alguém que quis ter uma grande ideia para enviar a um conjunto de 25 palhaços [a expressão usada foi shitheads] em salas escuras a verem e a apaixonarem-se por aquilo e darem um prémio”.

    Num passado não tão distante, este tema se restringia as campanhas fantasmas, feitas apenas para ganhar prêmios e sem compromisso em trazer resultados efetivos às marcas. No caso da palestra de Kassaei, a ineficiência em agencias de publicidade que criam ações humanitárias que de humanitária só tem o próprio ego inflado dos publicitários que ganham o gatinho de metal.

    Sem querer desprezar a importância que existe em ganhar um Cannes, o fato é que, ao contrário do que denunciou o iraniano, sim, existem pessoas ao redor do mundo que fazem campanhas humanitárias na prática. E não são publicitários.

    Parte desta verdade é revelada no filme Unsung heroes of science feito pela agência holandesa 1Camera que mostra diversos cientistas ao redor do mundo e a sua luta diária para tornar viáveis seus projetos, invenções e protótipos que podem revolucionar e ajudar muitas pessoas.

    Com uma linguagem emocional e em formato de trailer de cinema, o vídeo resume em seus impactantes 4:32 minutos os desafios enfrentados por esses cientistas. As barreiras são desde ter que defender suas ideias à investidores até ter que suportar a pressão de ficar meses, anos longe da família.

    Retratados como heróis, sem o glamour das Agências de Publicidade e com uma força de vontade e criatividade, que faria muito 'criativozinho' colar desenhos na geladeira da mãe, esses Cientistas representam pessoas pelo mundo que não são nem publicitários, tampouco donos de agencias que sobem ao palco de festivais para denunciar campanhas publicitárias fantasmas.

    São pessoas que matam muitos Leões por dia e veem como prêmio suas ideias transformarem a vida de muitas pessoas.






    Créditos:

    Film Production: Unsung Heroes of Science
    Client: Royal DSM N.V. (Angelique Paulussen, Jos van Haastrecht, Rob Dirix)
    Concept & Script: Jasper Claus and Hugo Keijzer
    Agency: 1Camera
    Creative Director: Jasper Claus (1Camera)
    Director: Hugo Keijzer
    Executive Producer: Paul Keur (1Camera)
    Production partner: MikeTeevee
    Producer: Ellen Utrecht
    Producer: Inge Zoete
    Director of Photography Adam Scarth (Lux Artists)
    Art Direction: Marijn Molenaar
    Offline Editors: Annelien van Wijnbergen & Brian Ent (Kapsalon.tv)
    Colorist: Toby Tomkins
    Soundstudio: Kaiser Sound Amsterdam
    Music: Dead Man’s Bones – “Lose Your Soul” (licencing: Pitch & Sync)
    Online: Glassworks Amsterdam
  • A Publicidade na Luta Contra o Consumo de Crack


    Diversas campanhas são feitas para conscientizar a população sobre as consequências devastadoras do uso do Crack, principalmente adolescentes. A maioria são válidas, mas uma delas me chamou muito a atenção.

    A ação aconteceu em 2013, dentro da Galeria do Rock em São Paulo. Foram instalados em diversos pontos do prédio painéis com cartazes feitos de papel à base de trigo, que tinham impressos a imagem de um rosto (feminino ou masculino) e os dizeres “O CRACK CONSOME”.

    Dentro da estrutura do painel havia um inusitado elemento: uma impressionante quantidade de vermes, que aos poucos consumiam os banners feitos de trigo. Era possível ver os asquerosos bichos passeando e se alimentando da peça publicitária.

    A sensação de nojo e desconforto conseguiu transmitir ao público que visitava a Galeria (em sua maioria jovens) uma noção mais próxima do real do que esse tipo de entorpecente é capaz de fazer com uma pessoa.



    Informações da produção da campanha e vídeo:

    Informações da produção da campanha e vídeo:
    Agência: Talent
    Produtora do filme: Malabar Filmes (fb.com/MalabarFilmes)
    Produtora de Áudio: Motora (fb.com/motora.audio)
    Direção de cena: Danilo Marques/Albert Klinke
    Direção de fotografia: Maurício Tibiriçá
    Montagem: Bira Lavor
    Ass. Montagem: Gustavo Schrank
    Finalização: Felipe de Luca
    Coord. de Produção: Gustavo Michelin
  • Dose Publicitária - Na Dose Certa


    Prove a Publicidade em Novas Doses.


    Na Capsula do Programa #DosePublicitária o publicitário Elidio Santos e seu Heterônimo Criativo Manay Deô mostram a dose certa sobre os mais variados temas do Mundo da Publicidade para você ver e provar a publicidade em novas doses.

    Toda xx, seja um Bem-Dosado e conferira um esquete diferente, feito na dose certa para quem gosta, quem trabalha ou quem consome publicidade.

    Inscreva-se no Canal do YouTube Dose Publicitária e tome essa receita.
    Aqui, a Publicidade é Dose. E na medida certa.

    Programa Dose Publicitária
    Toda xxxx, às xx.xx.
  • Retrô Publicitário - Cápsulas do Tempo


    Uma Dose de Boas e Velhas Propagandas


    O programa #RetrôPublicitário é nossa capsula do tempo para você provar a dose das Boas e Velhas Propagandas.

    Conheça as histórias e algumas das curiosidades das propagandas, anúncios, comerciais e reclames antigos, e provar que aqui Publicidade Velha ainda faz puta muita ideia boa.

    Programa Retô Publicitário
    Toda terça às 20:00 no Canal do YouTube Dose Publicitária.
  • Doses em destaque

    Postagens mais visitadas

    Postagens mais visitadas

    A CULTURA DA PROPAGANDA ESTÁ NA PROGRAMAÇÃO

    UM CANAL EXCLUSIVO PARA FOMENTAR A PUBLICIDADE DO PASSADO, PRESENTE E FUTURO .
    CONHEÇA OS CONTEÚDOS DO CANAL

    DOSE PUBLICITÁRIA

    Entretenimento, informação e opinião crítica

    para elevar a comunicação criativa da propaganda ao nível de Cultura Pop.

    AQUI ESTÃO ALGUMAS SUGESTÕES DA

    NOSSA PROGRAMAÇÃO

    Agora que você conhece os programas do canal Dose Publicitária

    prove alguns dos vídeos abaixo e clique aqui para se inscrever no youtube

    Drops Publicitário

    Dose Publicitária

    Sabedorias Publicitárias

    Retrô Publicitário

    CONECTE-SE AO NOSSO CONTEÚDO E

    AJUDE NOSSAS REDES CRESCEREM

    Siga o perfil da Dose Publicitária nas principais redes sociais e espalhe nosso conteúdo

    para quem gosta de saber mais sobre o mundo da publicidade e comunicação.

    +130

    SÃO FÃS DA DOSE NO

    FACEBOOK

    286

    CURTEM A DOSE NO

    INSTAGRAM

    128

    SEGUEM A DOSE NO

    TWITTER

    15

    ESCUTAM A DOSE NO

    SPOTIFY

    NOSSOS SERVIÇOS & PRODUTOS

    Conteúdo, Agência de Publicidade, EduCom, Fomento Cultural, Loja e Acervo.

    FORTALEÇA RELAÇÕES, REPERTÓRIOS E NEGÓCIOS COM O

    GRUPO DOSE PUBLICITÁRIA

    Serviços e Produtos para agregar mais valor para você ou para sua empresa

    com o profissionalismo da nossa marca.

    ACOMPANHE AS NOVIDADES

    ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    CULTURA & MISSÃO E VISÃO

    A razão de existirmos no mercado criativo, educacional e cultural.

    PARA SABER NOSSO PROPOSITO

    LEIA NOSSA BULA

    Conheça os princípios ativos da Dose Publicitária

    da nossa Missão, Visão, Valores e Proposito

    FALE COM A DOSE

    Sobre o que você gostaria de falar conosco? Os detalhes de contato estão abaixo.

    Agência Dose Publicitária

    • Cidade:São Paulo - SP
    • Região :Freguesia do Ó
    • WhatsApp :11 94044-4194
    • Email:contato@dosepublicitaria.com

    Seja para nos criticar, elogiar, sugerir, tirar dúvidas ou fazer parcerias e negócios, use este espaço para entrar em contato conosco.

    A Dose Publicitária está aberta também para receber a sua mensagem e começar uma boa conversa. Vamos te responder assim que possível. Se preferir, use o endereço de e-mail ou número de WhatsApp que estão ao lado. Lembre-se de mencionar o assunto. Vamos conversar?